O NASCIMENTO DA ARTE em Foz Côa

Chegou o momento de vos mostrar o que andei a fazer com o Filipe Raposo sobre O NASCIMENTO DA ARTE. Amanhã apresentaremos a escolas e ao público em geral os 3 episódios documentais que andámos a cozinhar. Estes pequenos filmes ficarão disponíveis online. Desde que o Filipe me levou a ver pela primeira vez as gravuras no vale do Côa em 2017 que este assunto se instalou nas nossas conversas: porque começámos a desenhar nas paredes? Depois, propulsionados pelo espectáculo que fizemos com a Ana Brandão no exterior do Museu do Côa a convite da Anabela Mota Ribeiro e da Julita Santos para o festival Somos Douro, passámos a visitar com frequência o Côa. O Bruno J. Navarro foi desde a primeira hora um cúmplice entusiasta deste projecto, e é com saudade que o lembramos neste dia em que tanto gostariamos de ter a sua presença.

mde


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *