espectáculo Samba de Guerrilha

Quando o LUCA ARGEL me escreveu no início do ano, desafiando-me a trabalhar no espectáculo cénico do seu SAMBA DE GUERRILHA, eu não o conhecia, nem às suas canções. Fiquei encantado com a voz, a inteligência, a mistura de contemporaniedade e tradição que é a marca da melhor da criação brasileira.
Agora aí está a estreia desse espectáculo, a 10 novembro no Maria Matos (Lisboa), com a mestra de cerimónias Nádia Iracema, o Luca e os músicos Cláudio César Ribeiro, Pri Azevedo, Neném do Chalé e Carlos César Motta, acompanhados pelos meus desenhos digitais sobre iconografia pesquisada pela Filomena Chiaradia. Venham! os bilhetes estão a voar.
(foto Luca: Felipe Drehmer, foto Nádia: André Henriques)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *