Livros | Books

Isto é uma selecção. Para a lista completa consultar cv Português+contacto
This is a selection of my books. To get the full list go to cv English+contact

A MINHA CASA NÃO TEM DENTRO | MY HOME DOESN’T HAVE AN INSIDE
António Jorge Gonçalves
112p. cores | colour
17,5 x 24 cm
ABYSMO
Primeira edição | first edition: 2017

Novela (autobio)gráfica em que a narrativa se faz numa sucessão vertiginosa de imagens (marcador sobre papel e aguarela) fortíssimas, duras, mas sobretudo oníricas, de sonho e pesadelo, que mergulham raízes no grande oceano do imaginário, dos mitos fundadores, das representações da morte, da infância, do desenho e da música, enfim, da criação. Há uma mão, a do cuidado e da ameaça, a que se ergue da ruína e a que faz sombra, a mão do lápis. E uma menina, uma Alice que descobre, por detrás de uma cortina de sangue, o peso da mão, uma cidade que se monta e o grande circo do espectáculo.

An (autobio)graphic novel around a serious health episode that brought me near death.

capa

01 02 03 04

EU QUERO A MINHA CABEÇA | I WANT MY HEAD
António Jorge Gonçalves
48p. cores | colour
22,5×28,8 cm
PATO LÓGICO
Primeira edição | first edition: 2015

Mais uma peça de teatro que levei a cena e que se transforma em livro. A estória de uma menina que de tanto dizer NÃO acaba por perder a cabeça.

Another theatre play becoming a picture book. The story of a girl who lost her head.

IMG_6719IMG_6726 IMG_6722 IMG_6723 IMG_6724 IMG_6725

BARRIGA DA BALEIA |BELLY OF THE WHALE
António Jorge Gonçalves
48p. cores | colour
22,5×28,8 cm
PATO LÓGICO
Primeira edição | first edition: 2014

Uma peça de teatro que estreei em 2012, passa agora à versão livro. Uma epopeia marítima com o sabor dos contos intemporais para as crianças de todas as idades.

A theatre play (2012) becoming a picture book. A maritime tale with a scent from old classic tales. For children of all ages.

BEM DITA CRISE!
António Jorge Gonçalves
128p. cores | colour
24 x 15,6 cm
DOCUMENTA
Primeira edição | first edition: 2012

Antologia de cartoons publicados entre 2003 e 2012 no INIMIGO PÚBLICO (suplemento satírico do jornal PÙBLICO) versando temas políticos e sociais, complementados por notas sobre a natureza do desenho de imprensa, a proveniência das ideias ou os excessos da realidade.

Collection of cartoons published between 2003 and 2012 in a portuguese daily paper, referring to political and social issues, accompanied by some written notes about the editorial drawing, the oriign of concepts and the reality excesses.

BOOK TRAILER

crise1
crise2crise3crise4crise5crise6crise7

HERÓIS DO MAR
António Jorge Gonçalves
38p. cores | colour
14,4 x 25 cm
livro + cd audio | book + audio cd
EMI / A Bela e o Monstro (com DN e JN)
Primeira edição | first edition: 2011

Integrado numa colecção dedicada a bandas marcantes da cena pop portuguesa, este livro/disco foi uma encomenda da EMI. Recorrendo apenas a recortes de jornais dos anos 80 para a elaboração do texto, quis que a narrativa desse notícia da relação muito particular que a imprensa teve com esta banda popular/culto. Pretendi com isso reflectir  sobre o papel da mediação/legitimação que os media desempenham na recepção da obra artística.

Comissioned by EMI to be part of a collection of books+cd dedicated to portuguese pop bands. I’ve used only newspaper clips from the 80’s (the lifetime of this cult band) as written text, to describe the peculiar relationship they developed with the press. With this, I did pretend to expose the media role at the reception of the work of art.


O GRUPO DO LEÃO
Rui Zink
António Jorge Gonçalves
32p. cores | colour
24,5 x 33,5 cm
MNAC-Museu do Chiado.
Primeira edição | first edition: 2010

Uma encomenda do Museu do Chiado (Lisboa) centrada num quadro emblemático – um dos poucos retratos de grupo de artistas portugueses.
O Inspector Columbano é chamado ao Museu para investigar um misterioso crime: o desaparecimento de três figuras do quadro “O Grupo do Leão”, da autoria do seu homónimo (sem laços familiares). Os pintores desaparecidos são Silva Porto, Malhoa e o próprio irmão do autor do quadro, Rafael Bordalo Pinheiro. As pistas são tão escassas como as hipóteses razoáveis. As explicações mais plausíveis para aquele desaparecimento são, além de plausíveis, fantásticas e absurdas. Até que surge a ameaça de desaparecimento de mais retratados nas próximas 24 horas, se não forem atendidas as condições de resgate. Sem pistas, o inspector vai ter de as procurar onde pode: na história dos participantes do quadro; e no relato do que, nas décadas seguintes aconteceu ao quadro…
Sem excessivos didactismos, esta BD propõe uma viagem pelo quadro… e pelas implicações do quadro. Afinal de contas, de que falamos quando falamos de pintura?

Commissioned by the Chiado Museum of Modern Art (Lisboa), this book proposes to travel along a notorious late 19th century painting (one of the rare artist’s group portrait at the portuguese painting history).

SUBWAY LIFE
António Jorge Gonçalves
224p. preto | black
30,1 x 20 cm
Assírio & Alvim
Primeira edição (numerada e assinada)| first edition (signed and numbered): 2010

BOOK TRAILER

SUBWAY LIFE foi um jogo que me levou a 10 cidades do mundo (Londres, Lisboa, Berlim, Estocolmo, Nova Iorque, São Paulo, Tóquio, Atenas, Moscovo e Cairo) para desenhar de forma aleatória pessoas sentadas em carruagens do Metro. Este livro compila de forma cronológica uma selecção dos desenhos que fiz de  entre 1997 e 2003.

SUBWAY LIFE was a game that took me to 10 cities in the world (London, Lisbon, Berlin, Stockholm, New York, Sao Paulo, Tokyo, Athens, Moscow and Cairo) to draw people sitting in subway carriages). This book compiles chronologically a selection of the drawings I’ve made between 1997 and 2003.

VIH, O BICHO DA SIDA
Rui Zink
António Jorge Gonçalves
32p. cores | colour
24,5 x 26,5 cm
Almedina/Abraço
Primeira edição | first edition: 2008

Um desafio da Associação ABRAÇO ao Rui Zink: construir uma narrativa simples e apelativa que, com rigor científico explique o VIH e a SIDA aos mais novos.

A challenge from ABRAÇO association to writer Rui Zink: to create a simple and appealing narrative that explains HIV and AIDS to young readers, with scientific rigor.


REI
António Jorge Gonçalves
Rui Zink
328p. 2 cores |2 colors
15 x 21 cm
Edições ASA
Primeira edição | first edition: 2007
Prémio Melhor Desenhador Português no Festival Internacional de BD/ Amadora 2008 | Best portuguese artist at Amadora International festival/2008

Nuno chega ao Japão em busca de… Não o encontra – antes se desaponta amargamente. Mas encontra Rei, a baby-gótica que gostava de ser “real girl”, e Yukio o guitarrista eléctrico.
Meses mais tarde, Teresa vai à procura do filho, na companhia de Tano, o mestre luso-japonês de artes marciais que foi para Nuno um… Pois.
Uma mãe busca o filho, o filho busca um pai? E isto no arquétipo mesmo da hipercidade do futuro-é-já-hoje? Boa receita para o desastre…
A nossa sorte é que nem sempre os desencontros resultam em maus encontros.
Dez anos depois de A ARTE SUPREMA, o encontro com Rui Zink volta a ser especial. Um romance gráfico, poético, triste, feliz, onde o mito de Frankenstein é revisitado a uma nova luz: a de que remendos e enxertos podem, além de criar monstros, salvar vidas.

Nuno arrives in Japan looking for… He can’t find it – all comes into a bitter disappointment. But he get’s a couple of friends: Rei, a baby-goth who want’s to become a “real girl”, and Yukio, the electric (guitar) player.
One year later, Teresa looks for him, with a reluctant karate teatcher’s help.
A mother looking for the son, the son looking for a father? And all happening in a city-where-the-future-lives-today? Sounds like a good recipe for disaster…
A novel, graphic, poetic, sad, happy,where the Frankenstein mith get’s revisited in a unsual way.

BOOK TRAILER

A TRIBO DOS SONHOS CRUZADOS
António Jorge Gonçalves
Nuno Artur Silva
64p. cores | colour
22 x 29,5 cm
Edições ASA
Primeira edição | first edition: 2003

Filipe Seems está perturbado por sonhos enigmáticos. Ana Lógica está obcecada por fotografar o que não se vê. Pela cidade sucedem-se atentados contra os media bloqueando e confundindo os fluxos de informação e ficção. Num campo subterrâneo, um ritual cigano inicia Filipe numa vertigem que o enreda na teia dos atentados e na ficção da sua própria memória de uma outra conspiração.
Último tomo da trilogia. Marca também o regresso das minhas colaborações com o Nuno Artur Silva. O evento teatral CONSPIRAÇÃO que criamos no ano seguinte foi baseado sobretudo neste livro.

Filipe Seems is troubled by enigmatic dreams. Ana Lógica is obsessed by photographing what cannot be seen. Along the city, the Media are targeted by terrorist moves messing up all the information and fiction streams.
In a underground camp, a gypsy ritual induces Filipe into the vertigo of is own memory of a previous conspiracy.
The last volume of the Filipe Seems triology.

O SENHOR ABÍLIO
António Jorge Gonçalves
80p. cores | colour
23 x 27 cm
Edições ASA
Primeira edição | first edition: 1999

As bizarras aventuras deste pequeno ciclope só encontram paralelo em viagens dentro duma máquina de lavar roupa. Verdadeiro herói da selva urbana, perde-se frequentemente no labirinto escorregadio dos sonhos.
Um livro sem palavras que recolhe uma selecção histórias curtas publicadas durante 2 anos na revista Linhas Cruzadas da Portugal Telecom.
O senhor Abílio acompanhou-me no torvelinho do meu período em Londres, fértil em desenhos automáticos e registos oníricos.

The bizarre adventures of mister Abílio, a one-eyed dwarf, can only match with surfing inside a washing machine. A true hero from the urban jungle, he always get lost in the slippery realm of dreams.
A no-words territory that lived among myself during the time I lived in London.

A ARTE SUPREMA
António Jorge Gonçalves
Rui Zink
160p. 2 cores | 2 colors
17 x 24 cm
Edições ASA
Primeira edição | first edition: 1997
Prémio Melhor Álbum Português no Festival Internacional de BD/ Amadora 97 | Best portuguese book at Amadora International festival/97

Esta é a história de Idalina, uma mulher-a-dias que não compreende o seu próprio destino, quanto mais o do mundo.
É também a história de um político que julga conhecer o seu destino. Num clima de crise internacional que nos coloca a todos à beira do fim, esta mulher invisível talvez seja a única a poder impedir a catástrofe.
Isto se Idalina descobrir a tempo a Arte Suprema.
Várias coisas novas aconteceram com este livro mestiço: o encontro luminoso e conturbado com Rui Zink, a aventura da tinta-da-china, e o meu brinquedo mais recente nessa época – um computador.

This is the story of Idalina, a cleaning lady who can’t understand the world and her own life. This is the story of a politician who believes to know is own destiny. In a world turmoil that seems to lead to an end, this invisible woman seems to be the only able to save us from catrastophe.
This was my luminous and troubled encounter with writer Rui Zink, the adventure of indian ink, and some fun with my new toy – a computer.

A HISTÓRIA DO TESOURO PERDIDO
António Jorge Gonçalves
Nuno Artur Silva
64p. cores | colour
22 x 29,5 cm
Edições ASA
Primeira edição | first edition: 1994
Prémio Melhor Álbum Português no Festival Internacional de BD/ Amadora 94 | Best portuguese book at Amadora International festival/94

Uma mensagem enigmática numa garrafa encontrada na praia é o início duma aventura em alto mar, ao encontro de um casal misterioso que lhe fala do mapa de um tesouro e do seu rasto ao longo dos tempos.
Na pista de tesouros e mapas, Filipe Seems acaba por descobrir uma história de marinheiros e jogadores – e segredos por revelar.
Segundo tomo da trilogia, este livro acontece num ano cheio de trabalhos em parceria com Nuno Artur Silva.

An enigmatic message in a bottle found on a beach is the beginning of a sea adventure. Filipe meets a misterious couple looking for a map, a treasure, and a story of sailors and gamblers.
This is the second volume of the Filipe Seems triology.

ANA
António Jorge Gonçalves
Nuno Artur Silva
64p. cores | colour
22 x 29,5 cm
Edições ASA
Primeira edição | first edition: 1993
Prémio Melhor Álbum Português no Festival Internacional de BD/ Amadora 93 | Best portuguese book at Amadora International festival/93

Ana Lógica, uma fotógrafa, procura Filipe Seems, detective particular, para encontrar uma rapariga igual a ela, gémea, que vira numa fotografia.
A investigação tem lugar numa Lisboa utópica, onde o que existe se mistura com o que gostaríamos que existisse.
Filipe Seems é um escritor de bandas desenhadas digitais. A sua agência de detective permite-lhe conhecer pessoas e seguir casos que inspiram as suas histórias. As suas investigações são motivadas não pela procura das provas, mas pela sedução dos indícios e pelo fascínio dos enigmas.
Publicada inicialmente, página a página, no extinto jornal Se7e, esta história é o primeiro volume duma trilogia.

Ana Lógica, a photographer, asigns Filipe Seems, private detective, to find a girl identical to her, twin, that she found in a magazine picture.
The investigation takes place in a utopic Lisbon, a mix of existing sites with things we would like to see.
Filipe Seems is a Digital Graphic Novel’s writer. Is detective agency allows him to meet people and cases as a source of inspiration for his own stories.
This is the first volume of the Filipe Seems triology.